Copa do Brasil
1ª Rodada
Figueirense
1
x
0
Encerrado
Fluminense
11/03 - 19h15
Orlando Scarpelli
Florianópolis (SC)

Copa do Brasil

Figueirense 1 x 0 Fluminense - Fluzão joga mal e sai atrás na Copa do Brasil

O time carioca precisa vencer em casa por dois ou mais gols de vantagem na próxima quinta-feira

Publicado em 11/03/2020
por Agência Futebol Interior

Florianópolis, SC, 11 (AFI) - O Fluminense não fez uma boa partida na noite desta quarta-feira e foi derrotado pelo Figueirense, por 1 a 0, no Orlando Scarpelli, em Florianópolis, pela partida de ida da terceira fase da Copa do Brasil.

Os dois times se enfrentam na próxima quinta-feira, às 21h30, no Maracanã. O Figueirense tem a vantagem do empate, enquanto o Fluminense precisa ganhar por dois ou mais de vantagem para passar, pois uma vitória simples leva a decisão para os pênaltis.

MELHORES MOMENTOS DO JOGO !

FALTOU CHUTAR
A partida começou com o Fluminense tendo mais posse de bola e o Figueirense apostando no contra-ataque. Não é a toa que dois jogadores tricolores foram amarelados antes dos 15 minutos por parar as jogadas do adversário.

Os dois times não conseguiam chegar. Tanto que o primeiro lance de perigo aconteceu aos 26 minutos. Marquinho arriscou de fora da área e assustou Muriel. A partida seguiu sem graça até os acréscimos.

Figueirense saiu na frente do Fluminense (Foto: Lucas Merçon/Fluminense)
Figueirense saiu na frente do Fluminense (Foto: Lucas Merçon/Fluminense)

Aos 46, Marcos Paulo aproveitou cruzamento e cabeceou para grande defesa de Sidão. Na sequência, Nenê arriscou de longa distância e o goleiro do Figueirense segurou firme.

FIGUEIRA É MELHOR
Com receio de ter Gilberto expulso, Odair Hellmann voltou com Igor Julião na lateral. Logo aos quatro minutos do segundo tempo, Nenê cruzou e Marcos Paulo, livre de marcação, bateu fraco nas mãos de Sidão.

O Figueirense chegou bem aos 19 minutos. Patrick arriscou de fora da área e Muriel espalmou. No rebote, Diego Gonçalves parou no goleiro tricolor. O Fluminense encontrava dificuldades para sair de marcação alta do adversário.

ENFIM, O GOL!
Quando conseguiu, Nenê viu Sidão adiantado e bateu colocado. A bola passou perto do gol. Melhor em campo, o Figueirense abriu o placar aos 37. Everton cruzou e Alemão subiu mais que todo mundo para estufar as redes.

Logo depois, Fernando Pacheco cruzou, a bola passou por Evanilson e sobrou para Nenê, mandar por cima. O Fluminense tentou o empate até o final, mas não conseguiu passar pela forte marcação alvinegra.