Brasileiro

Nacional-AM 1 x 2 Ji-Paraná-RO - Galo repete a dose e garante classificação!

Marabá e Renan marcaram os tentos da vitória do Galo da BR, enquanto Jackie Chan descontou para o Naça

Publicado em 13/09/2020
por Agência Futebol Interior

Porto Velho, RO, 13 (AFI) - O Ji-Paraná-RO é um dos quatro classificados à Fase de Grupos da Série D através de sua fase preliminar. Após vencer o Nacional-AM por 2 a 1 no jogo de ida, o Galo da BR voltou a jogar bem e repetiu o placar. Com isso, vence por 4 a 2 no agregado e garante o direito de disputar, pelo menos, mais 14 jogos na quarta divisão nacional.

TUDO IGUAL

Dentro de campo, a partida foi equilibrada. Jogando em seus domínios e precisando vencer para buscar a vaga, o Naça tentou tomar a iniciativa da partida durante o primeiro tempo. Contudo, esbarrou na própria afobação e na marcação rival.

Com o regulamento debaixo do braço e administrando o resultado, o Ji-Paraná jogava por uma bola. Os rondonienses buscavam explorar as falhas amazonenses e os contra-ataques. Nos 45 minutos iniciais, ela não veio. Na volta do intervalo, sim.

GALO MATA O JOGO

Marabá marcou um dos gols da vitória do Ji-Paraná sobre o Nacional-AM (Foto: Divulgação) - Divulgação
Marabá marcou um dos gols da vitória do Ji-Paraná sobre o Nacional-AM (Foto: Divulgação)

Logo aos 2 minutos da etapa final, o Galo da BR inaugurou o marcador e ampliou sua vantagem no agregado. No lance, Marabá aproveitou cruzamento e marcou. Com o placar adverso, o Naça partiu para cima em busca do empate se expôs. Na base do tudo ou nada, perderam tudo e acabaram sem nada.

Por conta da postura excessivamente ofensiva, sofreram o segundo. Aos 47, Renan aproveitou bola cruzada por Vitinho e mandou de cabeça para as redes, selando a vaga dos rondonienses. No apagar das luzes, Naça ainda teve tempo de diminuir. Aos 50, quando a classificação já estava definida, Jackie Chan marcou de pênalti e apenas escreveu o placar final do jogo de volta.

ONDE FICA?

Com a vitória no mata-mata, o Ji-Paraná disputará a fase de grupos da Série D no Grupo A1. Terá, dentre os seus adversários, o conterrâneo Vilhenense. Além dos dois clubes rondonienses, mais seis clubes compõem a chave: Atlético Acreano, Bragantino-PA, Fast Clube-AM, Galvez-AC, Independente-PA e Rio Branco-AC.