Paulista

Paulista A3: Marília 'cutuca' rival e afirma: 'Deve se encerrar dentro de campo'

Há dois dias, o Noroeste soltou uma nota polêmica, afirmando que 'reabrirá em dezembro para a pré-temporada da Série A2 de 2021'

Publicado em 05/06/2020
por Agência Futebol Interior

Marília, SP, 05 (AFI) - Em meio à paralisação do Campeonato Paulista da Série A3 por conta da pandemia de covid-19, o novo coronavírus, o Marília tratou, na tarde desta sexta-feira, através de nota oficial, de 'cutucar' o arquirrival Noroeste.

"O Marília Atlético Clube vem informar que aguarda deliberação da Federação Paulista de Futebol quanto ao retorno do Paulistão A3 2020 e confirma sua participação na continuidade da competição, apoiando as decisões da FPF que o campeonato deve se encerrar dentro de campo. Durante toda paralisação até aqui, o clube cumpriu todas as obrigações, com salários de atletas e funcionários pagos em dia", escreveu o Tigrão, em publicação nas redes sociais.

A mensagem é uma clara resposta aos adversários bauruenses. Afinal de contas, há dois dias, a Maquininha Vermelha, através do presidente alvirrubro, Rodrigo Gomes, o Mosca, declarou:

“O Paulista 2020 acabou. O Noroeste reabrirá em dezembro para a pré-temporada da Série A2 de 2021. Aguardamos a oficialização do acesso para recontratar os profissionais da comissão técnica e jogadores. Contamos com o bom senso e definição da Federação. Não é a decisão que gostaríamos, mas não há outra decisão a ser tomada senão esta”, declarou, em nota oficial.

Foto: Bruno Freitas / ECN - Foto: Bruno Freitas / ECN
Foto: Bruno Freitas / ECN
Já nesta sexta-feira, o cartola noroestino adotou outro tom.

"Voltando o futebol, a gente vai ver o que vai fazer em relação ao elenco. Não enviamos nenhum documento para a FPF falando que desistimos do campeonato. Apenas posicionamos a federação que a gente fecharia o clube por tempo indeterminado por conta da receita", esclareceu, em contato com o Portal Futebol Interior.

Cabe destacar que ainda não há um definição sobre como será a continuidade da competição. O Paulista A3 foi paralisado após 11 rodadas, quando apenas o Noroeste, com 26 pontos, estava classificado às quartas de final. Marília, com 11, e Paulista, com sete, por outro lado, formam a zona de rebaixamento.