Carioca

Luccas Claro dá resposta a Jorge Jesus: 'Aproveite porque essa fase pode acabar'

Zagueiro do Fluminense disse não se importar com declarações do treinador português

Publicado em 14/02/2020
por Agência Estado

Rio de Janeiro, RJ, 14 - A semifinal da Taça Guanabara, na última quarta-feira, continua sendo assunto no Fluminense. E isso porque após a vitória do Flamengo por 3 a 2 sobre o time tricolor, o treinador rubro-negro, Jorge Jesus, afirmou que o torneio estadual é muito mais importante para o adversário do que para sua equipe, que, segundo ele, luta por títulos mais valiosos.

PEGOU MAL

Zagueiro Luccas Claro rebateu declarações de Jorge Jesus (Foto: Lucas Merçon/ Fluminense)
Zagueiro Luccas Claro rebateu declarações de Jorge Jesus (Foto: Lucas Merçon/ Fluminense)

A declaração do português, como era de se esperar, irritou os tricolores, que viram menosprezo de Jesus ao clube das Laranjeiras.

Nesta sexta-feira, o zagueiro Luccas Claro demonstrou o seu incômodo com o assunto, embora tenha feito algum esforço para disfarçá-lo.

"Não tenho muito o que falar. Cada um responde por si. Respeito, está no direito dele. Não me preocupo com o que falam por fora, fico voltado para o interno. Que ele possa aproveitar porque a qualquer momento essa fase pode acabar", disse o zagueiro, referindo-se aos títulos conquistados recentemente pelo Flamengo, em entrevista coletiva.

OUTRA DECISÃO

Luccas Claro e seus companheiros sabem, porém, que a frustração causada pela eliminação na Taça Guanabara precisa passar rapidamente, já que na terça-feira o Fluminense terá uma partida decisiva contra o Unión La Calera, no Chile, pela rodada de volta da primeira fase da Copa Sul-Americana.

Em La Calera, o time carioca vai jogar em um gramado sintético, coisa com a qual não está acostumado. Os jogadores, no entanto, vão tentar não pensar muito no assunto para não terem uma desvantagem psicológica na partida.

"Sabemos que não podemos entrar pensando nessas coisas. Vamos entrar para buscar a vitória. Precisamos vencer", disse o volante Yuri, que também participou da entrevista coletiva. "Temos de entrar tranquilos, fazendo o que treinamos. Sobre o gramado, eles estão mais acostumados do que a gente. Vamos tentar nos adaptar o mais rápido possível."

No jogo de ida, no Maracanã, houve empate por 1 a 1. Assim sendo, um resultado de 0 a 0 vai classificar os chilenos por causa do gol marcado fora de casa. O Fluminense precisa vencer ou empatar por 2 a 2 ou mais - um novo placar de 1 a 1 levará a decisão para os pênaltis.