Libertadores

River Plate-ARG x Athletico-PR - Furacão precisa superar 'covidados' para avançar

Na partida de ida, realizada na terça-feira passada (24), na Arena da Baixada, em Curitiba (PR), empate por 1 a 1

Publicado em 30/11/2020
por Agência Futebol Interior

Curitiba, PR, 30 (AFI) - Precisando superar uma série de desfalques para avançar na Libertadores - especialmente, um surto de covid-19 -, o Athletico Paranaense enfrenta o River Plate, às 19h15 desta terça-feira (1), no Estádio Libertadores de América, casa do Independiente, em Avellaneda, na Argentina, pela rodada de volta das oitavas de final.

Na partida de ida, realizada na terça-feira passada (24), na Arena da Baixada, em Curitiba (PR), empate por 1 a 1. Isso significa que os argentinos avançam com o 0 a 0, enquanto os brasileiros passam de fase com qualquer empate a partir do 2 a 2. Caso o resultado se repita, haverá disputa de pênaltis. Quem vencer, obviamente, estará classificado.

Independiente del Valle-EQU ou Nacional-URU será o adversário nas quartas de final. No primeiro encontro, na quarta-feira (25), no Casa Blanca, em Quito, no Equador, nada de gols. O encontro decisivo acontece às 19h15 de quarta-feira (2), no Parque Central, em Montevidéu, no Uruguai.

Foto: Divulgação - Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

OS DONOS DA CASA
O River Plate tem praticamente todo o elenco à disposição para o duelo. A única baixa é o meia-atacante Cristian Ferreira, com uma lesão no reto femoral (um músculo da coxa) da perna esquerda. Além disso, Franco Armani, Milton Casco, Paulo Díaz, Gonzalo Montiel, Enzo Pérez, Ignacio Fernández, Rafael Borré e Matías Suárez, que ou foram poupados ou entraram no decorrer da vitória, por 2 a 0, sobre o Rosario Central, pela Copa da Liga Profissional Argentina, estão de volta.

"Isso nos dá a tranquilidade de saber que estamos indo bem. Agora, você tem que pensar na terça-feira, que vai ser difícil. Cada vez que os anos passam, gosto mais (de estar no River Plate). Nós nos encontramos muito com (o técnico Marcelo) Gallardo. Aqui encontrei o meu lugar, onde existe harmonia e sou feliz", afirmou Leonardo Ponzio, meio-campista e capitão, de 38 anos, após o triunfo.

OS VISITANTES
O Athletico-PR soma 15 desfalques. Os goleiros Santos, Jandrei e Léo Linck, o lateral-direito Khellven, os zagueiros Felipe Aguilar e Zé Ivaldo, o lateral-esquerdo Abner, o volante Alvarado, o meia Fernando Canesin, o meia-atacante Nikão e o atacaute Geuvânio foram diagnosticados com a covid-19, o novo coronavírus. Enquanto o atacante Reinaldo foi expulso no duelo de ida, o lateral-direito Jonathan, o lateral-esquerdo Márcio Azevedo e o atacante Vitinho estão se recuperando de lesão.

"Temos que ter uma resposta, uma capacidade de sofrimento e espírito de sacrifício muito grande para superar o desgaste físico e mental. É ter tranquilidade para não perder a capacidade de pensar e ter lucidez para ter as decisões mais acertadas", declarou o técnico rubro-negro, Paulo Autuori, após derrota, por 3 a 0, para o Palmeiras, pelo Campeonato Brasileiro, no qual os 'athleticanos' lutam contra o rebaixamento.