Brasileiro

Série B: Na cola do G4, técnico do Operário prega cautela em relação ao acesso

O Fantasma está a apenas dois pontos do quarto colocado Coritiba e pode entrar no grupo de acesso nesta rodada

Publicado em 11/09/2019
por Agência Futebol Interior

Ponta Grossa, PR, 11 (AFI) - O fato do Operário estar a apenas dois pontos do G4 do Campeonato Brasileiro da Série B não empolga o técnico Gerson Gusmão, que pede pés no chão e evita colocar pressão sobre os jogadores em relação ao acesso.

"Não é nosso objetivo agora. A gente não se preocupa com o G4, porque uma vitória ou uma derrota muda muito a pontuação. O torcedor tem que querer e sonhar com isso, mas nós não podemos ter essa ambição ainda", afirmou o treinador.

Schumacher é um das opções para o ataque do Operário (Foto: José Tramontin/Operário)
Schumacher é um das opções para o ataque do Operário (Foto: José Tramontin/Operário)
Com a vitória sobre o Cuiabá, por 2 a 1, em Ponta Grossa, o Fantasma chegou aos 32 pontos e subiu para a sexta colocação. Nesta sexta-feira, o time vai até Barueri encarar um desesperado Oeste, pela 22ª rodada da Série B.

Para essa partida, o treinador não poderá contar com o atacante Lucas Batatinha, que recebeu o terceiro cartão amarelo. Schumacher e Bruno Batata aparecem como opções. Por outro lado, Allan Vieira retorna na lateral esquerda após cumprir suspensão.

O provável Operário para esse jogo é: Rodrigo Viana; Maílton, Alisson, Rodrigo e Allan Vieira; Jardel, Índio e Marcelo; Cleyton, Schumacher (Bruno Batata) e Felipe Augusto.