Brasileiro

Série B: Cruzeiro é condenado a pagar R$ 3,2 milhões a jogador que está no Ceará

O Cruzeiro pagou cerca de R$ 504 mil ao jogador, mas depois parou e pode recorrer da decisão

Publicado em 16/09/2020
por Agência Futebol Interior

Belo Horizonte, MG, 16 (AFI) - O Cruzeiro acumulou mais uma condenação judicial. Depois de um ano em processo, o clube terá que pagar R$ 3,2 milhões para Rafael Sóbis, que pedia R$ 4,1 milhões por não cumprir acordo na rescisão.

O jogador de 35 anos deixou a Raposa no início de 2019, quando tinha mais um ano de contrato.

Na ocasião, chegou-se a um acordo de pagamento de R$ 4 milhões a Sóbis, entre premiações, férias e direitos de imagem, que foram divididos em parcelas.

O Cruzeiro pagou cerca de R$ 504 mil ao jogador, mas depois parou.

A Raposa ainda pode entrar com recurso no processo.

Sóbis chegou ao Cruzeiro em 2016 e foi bicampeão da Copa do Brasil, deixando o clube antes da crise que culminou no rebaixamento. Em 2019 defendeu o Internacional e atualmente defende o Ceará.