Brasiliense

Candangão: Com 16 jogos de invencibilidade, Gama foca em título estadual

No jogo de ida, o Gama venceu o Brasiliense por 3 a 1 e agora pode até perder por um gol de diferença para ficar com a taça

Publicado em 15/04/2019
por Sérgio Porto

Brasília, DF, 15 (AFI) - O 44º Campeonato Brasiliense de Futebol edição de 2019 está há uma partida para o seu encerramento. No próximo sábado dia 20 de abril, a partir das 16 horas no estádio Nacional Mané Garrincha, será o jogo da volta das finais do Candangão 2019. No jogo de ida, o Gama venceu por 3 a 1, com gols de Vitor Xavier, Jéferson Maranhão e o experiente zagueiro Émerson. O zagueiro Badhuga descontou para o Brasiliense.

Conforme o regulamento da competição, o Gama pode até perder por um gol de diferença que estará conquistando o seu 12º título do Distrito Federal.

Ao arquirrival Brasiliense resta uma vitória por dois gols de diferença para levar a decisão para as penalidades máximas. Ou então, o jacaré vencer por três gols de diferença o Gama para conquistar o título candango de forma direta. O clube de Taguatinga já conquistou nove títulos candangos.

Com 16 jogos de invencibilidade, Gama foca em título do Candangão (Foto: ascom gama)
Com 16 jogos de invencibilidade, Gama foca em título do Candangão (Foto: ascom gama)
Na história dos 58 confrontos, o Brasiliense conseguiu vencer ao Gama por dois gols de diferença em seis oportunidades. Já uma vitória do jacaré brasiliense sobre o alviverde candango, por três ou mais gols de diferença, essa situação ocorreu em quatro oportunidades. Uma vitória do Brasiliense sobre o Gama por um gol de diferença aconteceu em 10 confrontos.

QUAL O SEGREDO DO GAMA EM 2019 COM 16 JOGOS SEM PERDER
O Gama comandado pelo técnico Vilson Tadei, foi um dos poucos clubes que manteve seu treinador na atual competição candanga. O arquirrival Brasiliense já trocou seu técnico. Saiu Adelson de Almeida para a chegada de Ricardo Antonio, que já comandou o Gama.

O Gama tem o melhor ataque da competição, com 32 gols marcados. Jéferson Maranhão é o vice-artilheiro com 6 gols marcados. O artilheiro é Jessuí do Formosa com 8 gols marcados. Ainda, o Gama tem a melhor defesa da competição, com 7 gols sofridos. O alviverde candango disputou 16 jogos neste Candangão, com 14 vitórias e dois empates, inclusive vencendo o arquirrival Brasiliense por duas vezes nesta atual temporada (1 a 0 e 3 a 1).

A pergunta que se faz no meio esportivo candango é qual o segredo do sucesso do Gama em 2019. Algumas respostas surgem como por exemplo, a presença do técnico Vilson Tadei, ele que trabalha em silêncio em busca do melhor time para colocar em campo. Ainda, a zaga gamense que conta com o equilíbrio da experiência do zagueiro Emerson junto com a juventude de Gustavo. No meio de campo, a garra de Thiago Gaucho que reveza com Wagner na cabeça de área. Ainda, o ótimo momento de Tarta. No ataque, o que é considerado fundamental por todos no Distrito Federal, é a presença do experiente atacante Nunes, ditando a forma de jogar do alviverde candango, tendo em Jeferson Maranhão e Vitor Xavier, o complemento no sucesso do ataque gamense.

PALAVRAS DO COMANDANTE
Falando à Rádio DF10 de Brasília, o técnico Vilson Tadei disse que: “Não podemos nos empolgar com este momento do time. Vencendo um jogo e ainda faltam 90 minutos. Não ganhamos nada ainda. O Brasiliense é um time experiente e com certeza vai fazer de tudo para reverter nossa vantagem. Vamos descansar e depois voltamos a nos preparar para este grande momento que será a decisão do Candangão no sábado”, disse o treinador gamense.

Brasiliense e Gama se enfrentam no próximo sábado, a partir das 16 horas no estádio Nacional Mané Garrincha, em Brasília. Este local foi uma exigência da emissora detentora dos direitos de transmissão do campeonato. Porém, a emissora platinada não está transmitindo em tv aberta a decisão candanga. No primeiro jogo foi através de site da internet.