Brasileiro

Atlético de Cajazeiras-PB 2 x 2 Floresta-CE - Gols aos 41' e aos 46'/2T e vaga confirmada!

Pachu abriu 2 a 0 para os donos da casa, mas os cearenses fizeram com Núbio Flávio aos 41 e com Veraldo aos 46 minutos do 2º tempo

Publicado em 13/11/2020
por Agência Futebol Interior

Cajazeiras, PB, 13 (AFI) - O Floresta precisou de apenas cinco minutos, nos últimos lances da partida no Estádio Perpetão, em Cajazeiras, para empatar com o Atlético de Cajazeiras, por 2 a 2, nesta sexta-feira, e se classificar no Grupo 3 da Série D do Campeonato Brasileiro.

Pachu abriu 2 a 0 para os donos da casa, mas os cearenses fizeram com Núbio Flávio aos 41 minutos e com Veraldo aos 46 minutos do segundo tempo. O empate classificou o Floresta, vice-líder com 21 pontos. O Atlético, por sua vez, perdeu a chance de entrar no G4 e ficou no sexto lugar com 13 pontos.

CAMINHÃO PIPA!
Proibidos de entrar no estádio por causa da pandemia de Covid-19, cerca de 15 torcedores do Atlético alugaram um caminhão pipa e torceram por cima do muro. Eles soltaram rojões, tocaram bateria e gritaram forte mesmo sob calor de 40ºC.

NA REDE!
Acostumado com o calor do Sertão, o Atlético foi pra cima do Floresta. Aos 5 minutos, Michel recebeu passe de cabeça e empurrou, de carrinho, para as redes. Mas a arbitragem marcou impedimento do jogador do Atlético.

Atlético abriu 2 a 0... (Foto: Gabriela Sávio / Atlético)
Atlético abriu 2 a 0... (Foto: Gabriela Sávio / Atlético)
Os mandantes não desistiram e abriram o marcador aos 21 minutos. Testinha, do lado direito, cruzou na medida para Henrique Pachu que, nas costas da zaga, cabeceou no chão e abriu o marcador. Foi o terceiro gol de Pachu na Série D.

AMARELO E VERMELHO!
Aos 6 minutos, o técnico Celso Teixeira reclamou com a arbitragem e recebeu cartão amarelo. Aos 10 minutos, o Atlético ampliou e em um replay do primeiro gol. Testinha dançou pra frente do zagueiro e cruzou rasteiro. Pachu chegou e apenas empurrou para as redes.

O jogo esquentou, mas da forma errada. Aos 16 minutos, Matheus Maranguape recebeu o segundo cartão amarelo quatro minutos depois do primeiro e foi expulso. O Floresta ficou com um a menos. Aos 18 minutos, porém, Egon foi imprudente, levantou demais o pé e foi expulso direto, deixando o Atlético também com dez.

... mas tomou o empate. (Foto: Gabriela Sávio / Atlético)
... mas tomou o empate. (Foto: Gabriela Sávio / Atlético)
VIRADA!

O jogo ficou aberto. O Atlético perdeu quatro chances claras de gol por preciosismo, falta de solidariedade e de pontaria. O Floresta se manteve calmo e foi certeiro. Aos 41 minutos, Núbio Flávio, que acabara de entrar, diminuiu de cabeça. Aos 46 minutos, Veraldo, que também entrou no segundo tempo, deixou tudo igual.

PRÓXIMOS JOGOS
Na 13ª e penúltima rodada do Grupo 3, o Atlético receberá o Salgueiro no domingo, 22 de novembro, às 16 horas, no Perpetão, em Cajazeiras. No sábado, às 16 horas, o Floresta visitará o América-RN na Arena das Dunas, em Natal.