Maranhense

Volante ex-Ponte e Vasco rescinde com o Sampaio Corrêa: "Seguir em frente"

Em comum acordo e motivado por crise do coronavírus, Abuda optou por sair do time maranhense

Publicado em 02/04/2020
por Agência Futebol Interior

São Luís, MA, 2 - A pandemia do novo coronavírus vem afetando todos os setores da sociedade e, no futebol, não é diferente. Contratado para reforçar o Sampaio Corrêa no campeonato estadual, o volante Abuda, em comum acordo com a direção do clube, optou por rescindir seu contrato que, a princípio, tinha duração de três meses.

Apesar da despedida, o experiente jogador, com passagens por equipes como Vasco, Chapecoense, Ponte Preta, Atlético-GO e Figueirense, deixa as portas abertas e não descarta um futuro retorno.

Abuda optou pela rescisão de contrato com o Sampaio Corrêa (Foto: Lucas Almeida/Sampaio Corrêa)
Abuda optou pela rescisão de contrato com o Sampaio Corrêa (Foto: Lucas Almeida/Sampaio Corrêa)

“Infelizmente essa situação do coronavírus pegou todos desprevenidos e todo mundo, de alguma forma, tem sofrido com tudo isso. Conversei com o pessoal do clube ontem e chegamos nessa decisão de rescindir, mas, independente de qualquer coisa, saio pela porta da frente, com amizades e, quem sabe no futuro, retornar"

"Agradeço ao clube e aos funcionários, desde o primeiro dia fui sempre muito bem tratado por todos”, revelou o atleta, que também já atuou fora do país, defendeu o Gaziantepspor, da Turquia, e o Al-Mojzel, da Arábia Saudita.

CUIDADOS

Mesmo sem jogos nas últimas semanas por conta do período de quarentena, Abuda vinha mantendo a forma física diariamente. O volante optou por ficar morando no alojamento e treinando no clube, ao invés de retornar para casa com a família.

“São escolhas, decisões que precisamos tomar. O corpo é nosso instrumento de trabalho e, hoje, mais do que nunca, o futebol exige muito da parte física. Vou continuar treinando e tenho certeza que logo tudo vai se acertar. Agora é seguir em frente em busca de um novo desafio. Estou preparado”, concluiu.