-->

Léo Gamalho rescinde com Goiás e Gilson Kleina não descarta contratação

Na última quinta-feira, o diretor de futebol Hélio Kazuo disse que ele não estava nos planos da Macaca

Publicado em .

Campinas, SP, 12 (AFI) - Na última quinta-feira, o diretor de futebol Hélio Kazuo disse que a Ponte Preta não tem interesse em Léo Gamalho. No entanto, o técnico Gilson Kleina comentou sobre a possibilidade do atacante defender a Macaca na sequência do Campeonato Brasileiro.

Treinando em separado dos demais companheiros desde o início da semana com outros seis jogadores, Léo Gamalho entrou em um acordo com a diretoria do Goiás e rescindiu seu contrato neste sábado. O atacante trabalhou com Gilson Kleina no próprio Verdão antes do treinador ser anunciado pela Ponte Preta.

"O Léo Gamalho fez muitos gols comigo no Goiás. Mas é um definidor, jogador de área e isso chama a atenção. Espero que as coisas deem certo. É importante ter no grupo um atacante com essas características, até porque estamos com o grupo reduzido", destacou Gilson Kleina.

Léo Gamalho rescindiu seu contrato com o Goiás e está livre para acertar com outro clube
Léo Gamalho rescindiu seu contrato com o Goiás e está livre para acertar com outro clube
Natural de Porto Alegre, o atacante foi revelado pelo Internacional e passou por Botafogo, América-RN, Grêmio Barueri, ABC, ASA, Ceará, Santa Cruz, Bahia, Avaí, Goiás, Nacional-URU, Valdevez-POR, Shenyang Dongjin-CHN e Pudong Zobon-CHN. Seu melhor momento na carreira foi no Santa Cruz, em 2014, marcando 32 gols em 57 jogos. Pelo Goiás, são 49 partidas e 24 gols.

FALTA UM 9

O único jogador do atual elenco que possui características parecidas as de Léo Gamalho é o jovem Yuri, que não é pouco utilizado por Kleina. Titulares absolutos, Emerson Sheik e Lucca não possuem características de um camisa 9, apesar do segundo ser um dos artilheiros do Brasileirão, com dez gols. Maranhão, Felipe Saraiva e Claudinho são as outras opções para o ataque.

No entanto, existe ainda a possibilidade de Lucca ser negociado com o futebol francês. O atacante está emprestado pelo Corinthians e despertou interesse do Nantes, que ofereceu cerca de R$ 9 milhões pelo jogador. A proposta, porém, não agradou o Timão, que espera vendê-lo por R$ 22 milhões. A janela de transferência para o futebol internacional fecha no dia 31 de agosto.

"Hoje, tanto eu quanto o Gustavo (Gustavo Bueno, gerente de futebol) estamos monitorando jogadores para ver se algum consegue nos ajudar. Temos de trazer alguém para somar, não apenas para compor elenco", finalizou o treinador pontepretano.