Alvo da Ponte, Reginaldo pode deixar o Fluminense, mas destino deve ser o América-MG

Time tricolor não pretendia negociar o defensor até dezembro do ano passado, mas cenário mudou

Publicado em .

Rio de Janeiro, RJ, 23 (AFI) - O zagueiro Reginaldo virou alvo de times como Ponte Preta e América-MG no final do ano passado, mas o Fluminense não quis liberá-lo, principalmente após a decisão de rescindir com Henrique. No entanto, cerca de um mês após a procura dessas equipes, a diretoria tricolor já não se vê capaz de conter o desmanche já em curso e pode perder o jogador.

Em dezembro, o time que chegou mais próximo de contratá-lo foi o América-MG, que segue como favorito se o jogador realmente deixar as Laranjeiras. O Coelho reabriu as conversas com os representantes de Reginaldo nos últimos dias e não comenta sobre as negociações, mas confirmou que ele está dentro do perfil pretendido pela comissão técnica e diretoria.

No clássico contra o Botafogo, disputado no última sábado, o jogador de 25 anos sequer foi relacionado pelo técnico Abel Braga. Apesar de ser um dos favoritos da torcida para a posição, perdeu a vaga para Ibañez.

Foto: Mailson Santana/FFC
Foto: Mailson Santana/FFC
“O Reginaldo faz parte do grupo. Inclusive, jogo passado foi o capitão (contra o Boavista). É um jogador que tem clubes interessados também. Se, por acaso sair, virá um ou dois jogadores para trás. Tem umas coisas bem encaminhadas. Vamos deixar acontecer”, disse Abel em coletiva após clássico.

TEMPORADA
Em 2017, com a camisa tricolor, Reginaldo foi titular durante o primeiro semestre onde teve boas atuações. Após sofrer uma lesão muscular, perdeu espaço com o técnico e passou a ser opção para o segundo tempo, já que a dupla titular era formada por Henrique e Renato Chaves. Apesar disso, disputou 25 jogos e marcou dois gols em 2017.

Revelado pelo Flu, o zagueiro vem sendo emprestado desde 2013. Passou por Resende, PSTC, Esportivo, Metropolitano, FF Jaro (Finlândia) e Vila Nova.