Eliminatórias: Maradona diz que vaga "manteve respeito do mundo pela Argentina"

O maior ídolo argentino evitou fazer qualquer tipo de elogio individual para Lionel Messi

Publicado em .

São Paulo, SP, 11 - Maior ídolo argentino de todos os tempos, Diego Maradona utilizou as redes sociais para comemorar a classificação da seleção nacional à Copa do Mundo da Rússia, no ano que vem. Um dia depois da vitória por 3 a 1 sobre o Equador, em Quito, o craque celebrou que o vexame não tenha se confirmado.

Em meio a uma relação de amor e ódio com diversos dos principais jogadores do país, Maradona não citou nomes, apenas exaltou em sua página no Instagram nesta quarta-feira:

"Estou muito contente porque seguimos mantendo o respeito do mundo pela seleção azul e branca!".

Diego Maradona evitou fazer qualquer tipo de elogio individual ao craque Messi
Diego Maradona evitou fazer qualquer tipo de elogio individual ao craque Messi
NÃO ELOGIOU MESSI
Maradona preferiu não fazer qualquer elogio em particular a Messi. O craque do Barcelona foi o responsável por afastar a possibilidade de uma inesperada eliminação precoce da Argentina e definiu a classificação ao marcar os três gols do confronto. Por isso, foi reconhecido por outros dos maiores ídolos do país, como Mario Kempes.

"Foi mais sofrido do que o normal, mas é certo que a Argentina fez uma partida decente ontem (terça-feira). Ter o melhor jogador do mundo é algo a mais. Messi demonstrou que nos momentos mais importantes, quando mais se necessita, ele aparece", declarou à Rádio Máxima o campeão mundial de 1978.

ARTILHEIRO COMEMORA
A Argentina chegou à última rodada das Eliminatórias dependendo de uma vitória para seguir viva na briga pelo passaporte ao Mundial. E desfalcada de Sergio Agüero, que se recupera de um acidente automobilístico. Mesmo de longe, porém, o atacante do Manchester City celebrou.

"Nós nunca deixamos de acreditar. Vamos Argentina!", escreveu no Instagram.