Suspenso no jogo de volta, Egídio acha que vantagem é importante ao Cruzeiro

Egídio sabia ao fim do jogo que está suspenso para a decisão e lembrou que quase nem participou deste jogo no Mineirão.

Publicado em .

Belo Horizonte, MG, 10 (AFI) - No segundo jogo decisivo da Copa do Brasil, dia 17 em São Paulo, o Cruzeiro já tem uma baixa certa: o lateral-esquerdo Egídio. Ele recebeu o segundo cartão amarelo e vai ter que cumprir a suspensão automática. O seu substituto natural é Marcelo Hermes.

Egídio sabia ao fim do jogo que está suspenso para a decisão e lembrou que quase nem participou deste jogo no Mineirão.

“Senti uma contratura muscular e só joguei porque fiquei me tratando de forma intensiva. Quando entrei em campo eu sabia que estava pendurado. Infelizmente levei o cartão, mas o grupo está forte e quem entrar vai dar conta do recado” – completou.

Mais de 53 mil torcedores foram ao Mineirão e viram a vitória inicial do Cruzeiro sobre o Corinthians
Mais de 53 mil torcedores foram ao Mineirão e viram a vitória inicial do Cruzeiro sobre o Corinthians

PODERIA SER POR MAIS
Para Egídio, o resultado foi justo e vai facilitar no confronto de volta.

“Criamos diversas oportunidades e levamos uma vantagem boa para o segundo jogo. Se eles deram um chute em gol foi muito. Lá eles vão ter que propor o jogo. Nosso time foi bem no primeiro tempo e deu uma cansada no segundo tempo, mas valeu pela vitória”.

Eliminado da Copa Libertadores nas semifinais pelo Boca Juniors-ARG, o time mineiro ainda precisa cumprir tabela no Campeonato Brasileiro. Com 37 pontos ocupa a nona posição, sem chances de brigar pelo título. No domingo vai enfrentar o Vasco da Gama, em São Januário, pela 29.ª rodada e, provavelmente, com um time alternativo.