Comercial x Paulista - Final inédita e com campeão pra lá de conhecido?

Todos os jogos acontecem neste sábado, às 19 horas. Veja tudo no FI

Publicado em .

Ribeirão Preto, SP, 18 (AFI) – Chegou a hora de conhecer o campeão da Copa Paulista 2011e que vai ser um dos representantes de São Paulo na Copa do Brasil de 2012. Numa final inédita dentro da competição, o Comercial e Paulista se enfrentam neste sábado, às 19 horas, no Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto. Esta é a primeira final entre os times, só que a quarto que o time de Jundiaí está presente desde que a Copinha foi criada pela Federação Paulista de Futebol (FPF).


A
companhe o resultado da decisão no Futebol Interior, através do melhor Placar Ao Vivo da web. O duelo acontece no Santa Cruz, do Botafogo, porque o Estádio Palma Travassos, do Comercial, passa por reformas.

Com a vitória por 2 a 0, na primeira partida, no Estádio Jayme Cintra, em Jundiaí, o Paulista poderá perder no Santa Cruz, em Ribeirão Preto, por até um gol de diferença que ficará com o titulo. Em caso de vitória do Comercial pelo mesmo placar, o caneco será decidido nas penalidades máximas. Para que o Bafo saia com o caneco, terá que fazer algo muito difícil dentro do campeonato: vencer por três gols de diferença, coisa que só que aconteceu na primeira fase, contra o Batatais, numa vitória por 4 a 1.

Para chegar à final, o Paulista foi superior ao Velo Clube e mostrou ser forte candidato ao titulo. Na partida de ida, disputada em Jundiaí, venceu por 4 a 0. Já na volta, no Benitão, em Rio Claro, jogou com o regulamento embaixo do braço e empatou por 2 a 2. Já o Comercial, se em casa derrotou o São Bernardo por 2 a 0, no ABC paulista também se apegou ao regulamento e mesmo com a derrota por 1 a 0 continuou sonhando.

Mudanças, Márcio?
Em desvantagem na final da Copa Paulista – perdeu a primeira partida, no Estádio Jayme Cintra, em Jundiaí, para o Paulista, por 2 a 0 -, o Comercial poderá ter mudanças para encarar o Galo do Japi na segunda e decisiva partida decisão.

A primeira e mudança certa que Márcio Fernandes terá que fazer é na lateral-direita, já que Marcelo Tavares se desentendeu com o atacante Macena, em Jundiaí e assim como o adversário foi advertido com cartão vermelho. Para o seu lugar o treinador faz mistério, porém, quem deverá aparecer entre os titulares é Rafael Lomas, que poderá chegar ao seu 30.º jogo com a camisa comercialina.

E como o time tem por obrigação fazer gol, Márcio Fernandes (foto) também estuda mudar o setor ofensivo, dando chance para Henan e deixando Thiago Marques no banco de reservas. O comandante disse que a hora de ser campeão chegou e que todos devem se esforçar para que isso aconteça. Ele lembrou que o Paulista pode ter a vantagem, mas que nada está ganho.

“O Paulista venceu apenas a primeira batalha. Eles tem a vantagem e cabe a nós reverter. Conversei com os jogadores, eles estão cientes das dificuldades mas com seriedade tudo dá certo. Eles sabem que são capazes e é com este espírito que entrarão em campo”, disse Márcio Fernandes.

Wagner Lopes muda ataque
Se no primeiro jogo da final da Copa Paulista, contra o Comercial, o atacante Macena foi titular mesmo após sentir dores em seu tornozelo, na partida de volta, que acontece sábado, em Ribeirão Preto, ele sequer poderá ser relacionado devido ao cartão vermelho que recebeu no Estádio Jayme Cintra.

A ausência do atacante é sentida pelos jogadores, porém, todos destacam que quem entrar o seu lugar dará o melhor para ajudar o time a sair com o titulo da competição. O técnico Wagner Lopes comentou que o emocional do jogador é essencial em partidas como esta, porém, lembra que no calor do jogo muitas coisas acabam passando despercebidas, ainda mais com jovens como Macena.

“Sempre pedimos para os jogadores terem controle emocional e não caírem em provocações. Algumas vezes é preciso ter esse tipo de situação para o jogador aprender. Espero que isso sirva de lição para o Macena, que é um atleta jovem e que tem muito a aprender”, disse o treinador.

Sobre quem entra em seu lugar, o comandante preferiu fazer mistério e dizer que ainda nada está decidido. “Temos algumas opções como o Danilo (Baia), o Thiaguinho, o Carlão e o Cassiano (Bodini). Vamos usar esse pouco tempo de intervalo entre os jogos para definir. Todos eles têm condições de fazer um bom jogo lá em Ribeirão Preto”, disse.

Com a vitória por 2 a 0, em Jundiaí, o Paulista poderá perder no Santa Cruz, em Ribeirão Preto, por até um gol de diferença que ficará com o titulo. Em caso de vitória do Comercial pelo mesmo placar, o caneco será decidido nas penalidades máximas.

FICHA TÉCNICA

Comercial x Paulista

Local: Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto (SP)
Data: 19/11/2011
Horário: 19 horas (horário de Brasília)
Árbitro: Raphael Claus
Assistentes: Daniel Paulo Ziolli e Fabricio Porfirio de Moura

Comercial
Alex Santana; Rafael Lomas, Marcel, Rafael Tavares e Rossato; André Bilinha, Hudson, Jordã e Daniel Costa; Thiago Marques (Henan) e Velicka.
Técnico: Márcio Fernandes

Paulista
Giulliano; Samuel Xavier, Diogo, Diego Ivo e Reinaldo; Wellington, Bruno Formigoni, Madson e Alan Mineiro; Mike e Baia (Thiaguinho).
Técnico: Wagner Lopes