-->

Atlético-AC x São José-RS - Em vantagem, Galo tenta segurar Zequinha pelo acesso

Após vencer fora de casa, o Atlético-AC tenta coroar sua boa campanha com o acesso à Série C

Publicado em .

Rio Branco, AC, 11 (AFI) – O São José-SP viajou para o outro lado do mapa do Brasil para decidir, neste domingo, às 19h, o acesso na Série D do Campeonato Brasileiro diante do Atlético Acreano. Após o Galo Carijó vencer por 1 a 0 no Rio Grande do Sul, as equipes se enfrentarão no estádio Florestão para decidir quem participará da Série C em 2018.

Como nesta fase vale o critério de gols marcados fora de casa, São José-RS, que precisa da vitória, terá que marcar pelo menos dois gols para se classificar. Se vencer por 2 a 1 ou um placar superior, o Zequinha fica com a vaga. Já o Atlético-AC joga por um empate. Em caso de vitória gaúcha por 1 a 0, a vaga será definida nos pênaltis.

Os dois times já estiveram na Série C do Campeonato Brasileiro e tentam o retorno depois de um bom tempo. O São José jogou a Terceira Divisão quatro vezes e o Atlético-AC jogou duas. O Atlético Acreano tem a quarta melhor campanha dos times que seguem na Série D, com sete vitórias, dois empates e duas derrotas em 11 jogos. Já São José tem a sétima campanha, com cinco vitórias, dois empates e quatro derrotas.

Atlético-AC faz jogo do acesso em casa por ter melhor campanha
Atlético-AC faz jogo do acesso em casa por ter melhor campanha
FORÇA MÁXIMA
Com o meia-atacante Polaco mostrando estar totalmente recuperando de uma lesão muscular no adutor, o técnico Álvaro Miguéis vai escalar o Galo Carijó com força máxima para o confronto contra o São José-RS.

Mesmo com a vantagem de jogar por um empate e ainda contar com um bom retrospecto dentro de casa, o discurso no Galo Carijó é de muito respeito ao adversário de domingo. O técnico Álvaro Miguéis não esconde que será um adversário duro de ser batido dentro de casa. “É um time encorpado e com bons jogadores, mas estamos bem preparados e confiantes na nossa classificação”, completa o treinador.

São José viaja o Brasil para buscar o acesso
São José viaja o Brasil para buscar o acesso
JOGO PARA A HISTÓRIA
O técnico China Balbino deverá arriscar escalação parecida com a utilizada nos últimos jogos e comentou suas expectativas para a partida. Para ele, este jogo será para a história de todos envolvidos com o São José e precisará de entrega máxima. O time terá os garotos Anderson Canhoto e Crystopher, que foram destaques no Gauchão Sub-20 e vinham treinando forte entre os profissionais, como novidades. Ambos foram relacionados.

"Mais do que analisar a partida taticamente, elaborar uma estratégia de jogo e planejar como se comportar e o como o adversário vai se comportar, cada um de nós, dentro de campo, tem que ter a ideia clara de que esse será o jogo para as nossas histórias. Do clube e dos jogadores. Para a nossa torcida, para os familiares e todos que trabalham pelo sucesso do São José. E aí, nesse momento, não tem jogador A ou B. É o momento de todos nós nos entregarmos ao máximo e conseguirmos lá o que for necessário", analisa o técnico.

Na busca de acabar com o jejum de gols, o técnico China Balbino busca achar
a melhor formação para encarar o Galo Carijó dentro dos seus domínios. A escalação
do time é guardada a sete chaves e o técnico gaúcho pediu sigilo aos jogadores e
demais membros da comissão técnica na não divulgação de sua onzena.

Ficha Técnica

  • Fase
    Quartas de Final
  • Rodada
    2ª rodada
  • Data
    13/08/2017
  • Horário
    19h00
  • Local
    Florestão - Rio Branco - AC
  • Árbitro
    Igor Junio Benevenuto - MG
  • Assistentes
    Celso Luiz da Silva - MG e Marcus Vinicius Gomes - MG
  • Renda
    R$ 118.600,00
  • Público
    5.881 pagantes
Cartões Amarelos
Atlético Acreano-AC: Leandro, Rafael Barros, Renato, Miller
São José-RS: Fábio, Dudu, Everton Alemão, Clayton, Diego Torres

Gols
Atlético Acreano-AC: Rafael Barros 6' 1T
São José-RS: Flávio Torres 43' 2T
Atlético Acreano-AC
Miller;
Weverton, Juan, Diego e Alfredo (Jeferson);
Leandro (Tragodara), Renato e Careca;
Eduardo, Polaco (Neto) e Rafael Barros.
Técnico: Álvaro Miguéis
São José-RS
Fábio;
Luiz Felipe (Marcio Jonatan), Claudinho, Everton Alemão e Dudu Mandai;
Felipe Guedes, Fidélis, Clayton (Flávio Torres) e Diego Torres;
Matheus Toto e Rafinha.
Técnico: China Balbino