Luto: Morre emblemático radialista mineiro com bela história na Caldense

Ex-tesoureiro, conselheiro, técnico e diretor do time de futebol da Veterana, Orlando Gaia faleceu nesta terça, em Poços de Caldas

Publicado em .

Poços de Caldas, MG, 14 (AFI) – Morreu aos 84 anos de idade na manhã desta terça, o radialista Orlando Gaia, carinhosamente chamado de ‘Tio Orlando’ por seus conhecidos. Além de uma brilhante carreira como comunicador, ele ostentava uma grande ligação com a Caldense, onde foi tesoureiro, conselheiro, técnico e diretor do time de futsal. Ele estava internado no Hospital da Unimed, onde batalhava contra um câncer no pâncreas, descoberto recentemente. Viúvo, ele não deixa filhos, mas uma saudade imensurável.

Orlando Gaia faleceu nesta terça (Foto: Acervo - Ricardo Alvisi)
Orlando Gaia faleceu nesta terça (Foto: Acervo - Ricardo Alvisi)

Natural de Poços de Caldas, ele trabalhou por mais de 60 anos no rádio, tendo trabalhado em momentos marcantes na história da Veterana. Fez parte também do “Scratch de Ouro” da Rádio Cultura nos anos 70, junto a nomes como Lázaro Walter Alvisi, Eduardo Paiva, Marcelo Luiz Benedetti, Chico Formoso e Toninho Couto.

Trabalhou na Rádio Difusora e atualmente integrava o tradicional programa “Música e Esporte”, que vai ao ar nas manhãs de sábado da Rádio Cultura.

INESQUECÍVEL!
Em nota enviada à imprensa, o clube diz que “lamenta profundamente a perda e transmite os sinceros votos de conforto e pesar aos familiares e amigos de Orlando Gaia”.

Reconhecido como um símbolo local foi homenageado em 2016, quando recebeu o Diploma de Mérito Profissional, concedido pela Câmara Municipal.